Torre de controle logístico e sua relação com o transporte de cargas

13/04/2022

A tecnologia tem revolucionado o mercado como um todo, ganhando cada vez mais espaço no setor de transportes. Prova disso é a popularização da torre de controle logístico, uma ferramenta que promete facilitar e otimizar o monitoramento e o processo de transporte de cargas como um todo.

O sucesso do sistema não é à toa, já que fornece ao gestor um overview de tudo o que acontece na empresa – as coletas e entregas realizadas, volume distribuído, acompanhamento de estoque e muito mais.

 

O que é torre de controle logístico?

A torre de controle logístico nada mais é do que uma central de integração que reúne as principais informações sobre todas as etapas logísticas de uma empresa.

Além de dar maior visibilidade dos processos de coleta e entrega de mercadorias como um todo, o sistema possibilita uma melhor gestão dos veículos, rotas e funcionários.

Mas as vantagens não param por aí, uma vez que, com os dados em mãos, é possível, por exemplo:

  • Tomar decisões mais assertivas e evitar gargalos logísticos;
  • Monitorar as entregas em tempo real;
  • Receber, gerenciar e minimizar ocorrências;
  • Controlar as manutenções corretivas e preventivas;
  • Planejar mercadoria, local, horário e quantidade; 
  • Analisar os indicadores de desempenho e ociosidade dos transportes, entre outros.

LEIA MAIS: Entenda o papel do transporte no supply chain

 

Diferença entre torre de controle logístico e central de monitoramento 

Tão semelhantes quanto eficientes, os sistemas têm o mesmo objetivo-fim: coletar e monitorar os dados sobre os processos de transporte de cargas. Embora sejam parecidas, a central de monitoramento está, geralmente, espalhada em diversos pontos da região atendida, oferecendo suporte e comunicação para os motoristas. 

A torre de controle logístico, por sua vez, funciona como um pólo administrador, reunindo informações de todas as centrais de monitoramento do país. Isso significa que uma não anula a outra: elas são necessariamente complementares.

 

Vale a pena contar com o sistema?

controle-logistico-PagBem

Em um país tão grande como o Brasil, cuja malha rodoviária federal possui extensão de 75,8 mil km – de acordo com o Ministério da Infraestrutura –, controlar as coletas e entregas é essencial para quem deseja expandir sua atuação e oferecer aos clientes soluções inteligentes e de qualidade.

Ter em mãos informações de cada etapa do processo de transporte traz vantagens competitivas para o negócio, seja pela instantaneidade e precisão dos dados, que permitem tomadas de decisão mais assertivas, seja pela otimização do processo de ocupação dos veículos, com cargas fracionadas.

É possível, ainda, ter acesso a dados como o número de cargas entregues com sucesso, tempo médio das entregas, quantidade de tentativas, desempenho do caminhão e outros detalhes relacionados à rota, por exemplo.

Em outras palavras, apostar em uma torre de controle logístico pode ser essencial para quem deseja escalar, melhorar a qualidade dos serviços prestados ou, simplesmente, garantir uma gestão muito mais eficiente e inteligente, com total controle sobre o processo logístico.

E vale lembrar que dentro do processo de transportes de cargas é essencial contar com tecnologias avançadas que otimizem a gestão de frete e pedágio. A PagBem é uma Instituição de Pagamento Eletrônico de Frete (IPFE) que oferece um sistema completo para organizar as demandas e as despesas de forma descomplicada.

LEIA TAMBÉM: PME no setor logístico: quais os desafios?

 

Reduza custos com as soluções da PagBem

Criada em 2015, a PagBem administra fretes e pedágios por meio de uma rede credenciada ampla que atinge diferentes partes do país.

Com a missão de facilitar a administração de frete rodoviário e pedágio, a PagBem oferece soluções financeiras, tecnológicas e de pagamento para toda a cadeia envolvida no transporte, envolvendo caminhoneiros, transportadoras, operadores logísticos e embarcadores.

Para conhecer melhor todas as soluções da PagBem, entre em contato conosco.

Posts recentes

Logística reversa: você sabe como funciona?

Logística reversa: você sabe como funciona?

Você certamente já ouviu falar em logística reversa, conceito que tem ganhado cada vez mais força no mercado mundial - especialmente no setor industrial e de transporte de mercadorias.  Em um cenário cada vez mais globalizado e competitivo, manter o equilíbrio entre a...

Festas juninas e a importância do serviço de transporte

Festas juninas e a importância do serviço de transporte

Poucas celebrações no Brasil são tão aguardadas quanto a festa junina. Ainda mais este ano, que marca o retorno das quermesses depois de um longo período sem festejos por causa da pandemia de Covid-19. No nordeste, onde a festa de São João é tradicional – e patrimônio...

Armazenagem e transporte de carga: como alinhar os dois processos?

Armazenagem e transporte de carga: como alinhar os dois processos?

Você já parou para pensar no quão importante é o processo de armazenagem da carga? Ou, ainda, em como uma equipe integrada pode fazer toda a diferença na operação logística como um todo? O setor de transporte de carga é conhecido por sua complexidade, uma vez que é...

Receba nosso conteudo em primeira mão.

For security verification, please enter any random two digit number. For example: 77