Maio Amarelo: dicas para melhorar a segurança no trânsito

10/05/2023

por | maio 10, 2023 | DicasEstradas

A segurança no trânsito é um tema comum e primordial em diversos países. No Brasil a preocupação é ainda maior, já que dados do Ministério da Saúde revelam que o país registra milhares de mortes anualmente. Somente em 2021, foram 31.468 óbitos no trânsito, sendo que 12.011 vítimas eram motociclistas, 6. 987 ocupantes de automóveis e 5.120 pedestres.

Os números alarmantes reforçam a importância de boas práticas e ações como a campanha Maio Amarelo, um movimento internacional criado para promover a conscientização da população sobre a importância de comportamentos seguros no trânsito para reduzir altos índices de lesões e de mortes.

Afinal, a segurança no trânsito está diretamente ligada à responsabilidade, entendimento das leis, práticas de direção defensiva, cuidados com os condutores e pedestres, entre outros. Portanto, trabalhar esses assuntos corretamente é a melhor forma de prevenir acidentes.

LEIA MAIS: Manutenção de caminhões: uma preocupação necessária

 

Importância do Maio Amarelo para a segurança no trânsito

A campanha Maio Amarelo surgiu em 11 de maio de 2011, quando a Organização das Nações Unidas (ONU) decretou a Década de Ação para Segurança no Trânsito.

Desde então, o movimento, cuja cor simboliza atenção e advertência no trânsito, tem ganhado cada vez mais notoriedade e trabalha para chamar a atenção da população para o alto índice de mortos e feridos no trânsito no Brasil e em todo o mundo.

Por meio de ações e boas práticas que evidenciam e trabalham a segurança no trânsito, a campanha realça a importância da união de todos os setores – governamentais, empresas, entidades de classe, associações, academia, federações e sociedade civil organizada – da sociedade para discutir o tema e, principalmente, salvar vidas.

LEIA TAMBÉM: Entenda a relação entre eixos de caminhão, carga e pedágio

 

Dicas e cuidados importantes na movimentação logística

campanha-maio-amarelo

Quem trabalha diariamente com a movimentação de cargas e roda pelas estradas Brasil afora sabe que a segurança vem em primeiro lugar sempre. E, mais ainda, que as ações dos motoristas devem ser conscientes e pautadas na condução correta do caminhão e da carga.

A segurança no trânsito, aliás, vai além da prevenção de acidentes ou de uma direção defensiva, uma vez que também desempenha um papel importante no sucesso na movimentação logística.

Pensando nisso, separamos algumas dicas para aumentar a eficiência e a segurança nas estradas neste Maio Amarelo e em todos os outros meses do ano. Confira!

  • Respeite as normas de trânsito: esteja com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) sempre em dia e entenda as leis sentenciadas pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB).
  • Sinalize suas ações: a direção defensiva tem como uma das premissas a sinalização prévia das ações executadas ao volante, como a utilização da seta indicando para qual lado o veículo irá se deslocar.
  • Evite o uso de celular: o uso de celular ao volante é proibido por lei e causa distrações que podem levar a acidentes.
  • Faça a manutenção preventiva no caminhão: as condições de conservação do veículo estão diretamente relacionadas à segurança no trânsito e, por isso, é importante estabelecer uma rotina de manutenção preventiva, com reparação programada, troca de componentes, entre outros detalhes.
  • Mantenha uma distância segura dos demais veículos e esteja atento ao limite de velocidade: os condutores devem sempre manter certa distância entre o seu e o veículo à frente, respeitando também o limite de velocidade das vias e rodovias. Isso permite que, em casos de imprevistos, seja possível frear ou mudar de faixa sem grandes problemas, evitando a colisão.
  • Descanse: negligenciar a limitação física do corpo é um perigo para o motorista e todos aqueles que estão ao seu redor. O descanso é estratégico e essencial para garantir a integridade física e psicológica do condutor, reduzindo os riscos de acidentes na estrada.

Este último ponto, aliás, é de extrema importância e merece um destaque maior. Afinal, a Lei do Caminhoneiro (Lei 13.103/2015) determina o tempo máximo permitido para dirigir sem intervalos, reforçando a necessidade do descanso e alimentação correta.

Embora esta seja uma campanha importante e necessária, a segurança no trânsito não deve ser trabalhada apenas no mês de maio. Os cuidados e a adoção de boas práticas que contribuem para a maior segurança de todos devem ser uma aposta durante os 365 dias do ano, sem exceção.

CONTINUE LENDO: Entenda as diferentes categorias do transporte de cargas

 

Reduza custos com as soluções da PagBem

Criada em 2015, a PagBem intermedia os pagamentos de frete e pedágio entre transportadoras e embarcadores. Por meio de um sistema totalmente otimizado, atende diferentes demandas logísticas do modal rodoviário, entre elas a roteirização inteligente do melhor caminho que sua carga fará e o cálculo de custo de pedágio a ser pago.

Também conta com uma ampla rede credenciada, onde é possível entregar suas documentações de viagens realizadas, obter descontos exclusivos no preço diesel e realizar saques com tarifas a preços acessíveis.

Temos mensalidades que cabem no seu bolso! Venha conferir, entre em contato e seja PagBem você também!

Posts recentes

Como fazer o transporte de carga valiosa?

De objetos de alto valor monetário, como joias e pedras preciosas, a obras de arte, produtos tecnológicos sensíveis ou outros itens de grande importância, o transporte de carga valiosa demanda uma operação logística complexa. Afinal, é imprescindível garantir a...

Outsourcing de transporte de carga: vale a pena?

O outsourcing de transporte de carga pode ser um grande aliado para os negócios. A prática, que vem ganhando cada vez mais espaço nos últimos anos, consiste, basicamente, em transferir tarefas e operações para um terceiro. A terceirização, aliás, é uma tendência do...

Transporte Rodoviário de Cargas Internacionais: como funciona

O transporte rodoviário de cargas internacionais desempenha um papel crucial para a economia brasileira, com impacto direto também na produção dos países vizinhos. Estima-se que mais de 48 mil caminhões percorrem a América do Sul diariamente, sendo esta modalidade a...

Categorias